26.1.08

(DES)ARRUMADO

Foto: Andreia Gavazzoni
A
Ar
Mar
Amar


TOCA A que me abre AMAR
ABRE Ar que me expira EXPIRA
EXPIRA Mar que me toca INSPIRA

A
abre
DESEJO

Amar
mAR RESPIRA
A que me toca
Ar que me abre
Mar que me expira
AMAR

DESEJOCONJUGAR
AMAR
É o JEITO (deS)ARRUMADO
DE DIZER
TE AMO

7 comentários:

Gi disse...

brincando com as palavras

que forma bonita de dizer que se ama alguém.

um beijo

Cris disse...

Gosto das suas coisas certinhas, com os pontos e vírgulas marcando presença.
Mas o seu (des)arrumado ficou brincalhão, bem humorado, bonito e acho que certinho também.
A letra "a" tem som de abertura. Aí, é só abrir.
Um beijo

Cris

adelaide amorim disse...

Bonito e alegre poema, Jacinta. Gostei muito de seu blog. Obrigada pela visita, venho aqui de novo.
Um beijo.

Otávio Augusto Martinez disse...

Jacinta, seu texto, mais que uma brincadeira, é um exercício poético modernista ousado. É uma poesia minimalista cheia da cor que estas palavras transpiram.

Fico muito contente com sua visita a meu blog. Gostaria de incluir seu blog dentre meus favoritos.

Um abraço

sandra camurça disse...

Jacinta, grata pela visita. adorei o colorido deste poema.

beijão

Lunna Montez'zinny disse...

Amei a intensidade dessa poema. Com cores e ritmos que faz o sorriso florescer, mas é sempre assim quando venho até aqui... Beijos

Andréia F. P. Gavazzoni disse...

Jacinta muito obrigada pelo bom uso de minha foto! Agradeço também por lembrar do "A" letra que inicia e acaba meu nome...
AndréiA F. P. Gavazzoni