10.9.08

Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinhos,
Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas!
Machado de Assis

31 comentários:

Paulo R Diesel disse...

São os sentimentos e sentidos opostos.

Abraço.

Adriano Caroso disse...

E aí está toda a diferença!
Tem um memezinho pra você no meu blog. Beijos!

JOICE WORM disse...

Uau... Jacinta, ainda ontem estive falando com um amigo sobre este assunto. E não sei se leu no Pequeno Milagre, sobre um Anônimo que me escreveu palavras duras... (e eu postei o comentário), no fundo acho que o homem tem que ter algum valor implícito e naturalmente que teve as suas razões, mesmo sem me conhecer.

VeraBasile disse...

Oi Jacinta!!! Que foto linda essa!!! E os versos de Machado de Assis, muito lindo. Só que eu acho que ninguém é totalmente espinho ou totalmente rosas. Como também é impossível viver só sorrindo ou só chorando. Acho que o grande barato da vida está nisso, da gnt poder aprender a segurar uma rosa sem se machucar.
Beijão!!

acqua disse...

Hummm...
E não se esqueça que aquelas que fecham os olhos para sentir apenas o perfume delas e assim sabem que são rosas...
Beijos

Camilla disse...

É a mais pura verdade que muitas vezes só enxergamos o lado ruim das coisas. Aprendi mesmo que forçada que quase sempre passamos pelos espinhos para chegar até as flores, e se eles estão ali é por algum propósito.

Eterno Machado!

Nanda Nascimento disse...

Os espinhos fazem parte, não estão ali á toa, exercem outras funções além de proteger as flores, cabe a ela valorizá-lo.

Beijos e flores!

Luiz Caio disse...

Oi Jacinta! Como vai?
É o caso do pessimista e do otimista... Como aquela velha história do copo meio vazío, e meio cheio...

UM GRANDE ABRAÇO.

Opuntia disse...

Sempre me encanto com a sabedoria do Machado e com a beleza do seu blog.

Bjo

APPedrosa disse...

Jacinta, tudo é uma questão de ponto de vista. Me encanta a sua sensibilidade para pescar versos tão lindos. Aí vai outro, de Vinícius de Morais: "É melhor ser alegre que ser triste, a alegria é a melhor coisa que existe, é assim uma luz no coração..."
beijos,
Ana Paula

loba disse...

Com certeza!! Que sejamos sempre capazes de ver a flor e neutralizar os espinhos!
Beijo queridona!

Dora disse...

Jacinta! Tenho as duas atitudes...Depende do rumo que a vida me aponta...Quando eu não consigo tirar as pedras do caminho, só vejo espinhos e choro sobre eles. Caso contrário, nem me lembro deles. E sorrio, contente, para a profusão de rosas...
Não seremos todos nós, assim?
Beijos muitos!
Dora

Zeca disse...

Flores e espinhos, problemas e soluções, medo e coragem... tudo isso atapetando os nossos caminhos. As flores são lindas!

Beijos.

KÁTIA CORRÊA DE CARLI disse...

Oi querida
Estou meio sumida, desculpa... é que minha "faz tudo" resolveu aprontar e sumir também, mas o serviço não sumiu junto... e dá-lhe roupa suja, casa suja, não compreendo por que as coisas se sujam (rs)!
Estamos pensando num café terça que vem... O Jorge vai me ligar...
beijo e bom restinho de domingo

R Lima disse...

Tudo é questão de como se vê a vida... eu a vejo plena.

Vim agradecer e anunciar o fim


Texto de hoje: o fiM...

Visite e Comente... http://oavessodavida.blogspot.com/

O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...

Dauri Batisti disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dauri Batisti disse...

Quando mudamos o foco ate nos espantamos; roseiras são espinheiros e que nos oferecem as mais belas flores.

dacio jaegger disse...

Jacinta, vejo que a rosa, independente de sua cor, se nos chega às mãos numa haste é porque foi depurada e pode ser cheirada sem temor. Tudo bem, o perigo está no ramo variegado adornado com folhas; abraçá-lo pode trazer grave surpresa nos espinhos escondidos.
bjs

CRIS disse...

Oi, Jacinta...

A rosa precisa do espinho para protegê-la e até enaltecer sua beleza , no caso da flor, apenas exterior.

Beijo e boa semana.

adelaide amorim disse...

Oi, Jacira. Vim ver como estão as flores e te avisar que tem um presentinho pra você lá no Umbigo.
Espero que goste.
Beijo e ótima semana.

Caito disse...

Eu fico aí com o segundo tipo de pessoa. Mas não sempre!

Abraço!

f@ disse...

Pois é e vivem em sintonia...
O caule tem espinhos mas com um certo cuidado nem nos picamos... mas picar tb faz parte ... que a dor ajuda a ver a beleza e a sentir o sabor do belo...
beijinhos das nuvens

Mary disse...

Ando a buscar as rosas nos espinhos!
Beijos, querida.
Obrigada pelo teu carinho e paciência.

Celia Rodrigues disse...

É, tudo depende do ponto de vista...
Abraços!

JOICE WORM disse...

Um beijo, minha flor!

lyani disse...

Gosto mais da segunda opção, mas nem sempre sou assim. E deveria!!!
Linda foto!
Bjossss

Ilaine disse...

Querida Jacinta!

Sábias palavras de Machado de Assis.Que bela escolha fizeste. Elas refletem o quanto as pessoas podem ser diferentes. Penso que tudo depende do momento. Há instantes em que choramos pelos espinhos; há outros, porém, em que o espinho transforma-se em flor.

Beijo

ocasodoacaso disse...

Perfeito!
A vida muda de acordo com o nosso foco. Enxergá-la grandiosa ou não é uma questão de escolha.

Maravilha!

Daniel disse...

Só podia ser Machado de Assis... O poemeto reflete bem a visão humana; muitos são alarmistas enquanto outros preferem enxergar o lado bom das coisas. Um abraço e bfs.

http://so-pensando.blogspot.com

Fernando Rozano disse...

a vida e suas faces, que todos vamos conhecendo cada vez mais todos os dias. meu abraço carinhoso.

Guru Martins disse...

...é bom,
mas é ruim.
é ruim,
mas pode
ser bom...

bj